❤ Jesus, Maria, eu vos amo. Salvai almas.

Tradução.

27/08/2018

A contemplação.

Tenho passado dias escuros. Não são as noites como São João da Cruz ensinou, mas são dias de luta e de necessidade de espiritualidade silenciosa. Sinto, por vezes, ao meu redor. Mas de imediato rezo, jogo água benta, faço o sinal da cruz e sigo. Viver é para corajosos.
Apesar disso, tenho tantos medos da vida que se passa, dos sonhos que ficaram e que tentam, por vezes, regressar do deserto à morada desta terra. O que levaremos? Por quê  tanta provação? Não me permita ser sacudida na poeira que solapa meu tempo  Apenas peço que acenda a luz.  Um beijo. Maristella.

20/08/2018

Os corações que vejo!

Os corações que vejo, a sorte que traz a melodia mais bendita.
O sopro do hino da canção onde o vento traz o norte em sua bandeira de paz.
A clemência mais bendita de um Deus que triunfa e assim reina na vida eterna.
A solidão do plantio mais puro, a dor que vai embora e que termina uma história.
E no final dos corações benditos, as letras se misturam e neste instante vivo, quase deixo de perceber o infinito. E Deus reina sobre tudo, sobre cada piso, cada promessa erguida de um solo imperfeito.
E neste meu descompasso, quase perdido de uma legítima pecadora, toco no céu e me uno no Espírito Santo de Deus, que faz de mim o impossível.
Analisando os meus pontos, meus sentidos, meus movimentos, vi e percebi um coração bendito onde Deus está no meio e se inverter, mentalmente, os vértices se alinham ao norte. 
Sou grata, porque eu nada sou, mas o que sobra vem de Deus, mesmo.
Amém, Um beijo, Maristella.

12/08/2018

Feliz dia do PAI!

                                     ❤💙❤💙❤💙❤



  Amo no infinito vivo, celeste. Intacta perfeição do ser.
 

07/08/2018

Deus e seus mistérios!

No mundo sobrenatural que é sobreviver, ele permite que sejamos sacudidos na poeira. 
Talvez, de fato, devemos estar em lutas, sempre, para poder nos aproximar do divino. Do contrário, estamos na zona estranha de conforto. Existem poucos momentos de felicidade, na terra. Eu compreendi e aceito, até porque tudo passa e nada sou. Não levaremos absolutamente nada. 
Obrigada por tudo de ruim na minha vida e obrigada por tudo de maravilhoso de cada dia e o mistério de renascer.
Que Nossa Senhora nos proteja.

Com amor, Maristella.

05/08/2018

Uma promessa a meu Santo de amor.

Uma promessa. Entrou com carinho na minha devoção às almas e confesso que também  não sabia da forte ligação com Maria. Desde 2011 sua presença faz morada e sempre fico feliz em sentir sua presença, assim como os mimos do Padre Pio.  Quero muito agradecer e prometo ser mais atenta. E nestes meus espinhos perdidos, somente, peço perdão. É uma grande vontade de viver e esquecer um pouco o sentido da minha existência, que acho perdida. Um beijo. Mari.

03/08/2018

No vazio latente da existência.

Eu tento pensar alguma coisa. Vou no Sagrado coração de Jesus tentar tocar a imagem na fé e tentativa de atingir o mundo espiritual.
Coloco-me a presença de todos os Santos e sei da minha condição de humana, num vazio latente da minha existência. Continuo sem sonhos, praticamente, todo dia penso na vida que se esvai, nas mãos vazias, na falta de solo fértil.
E o que me falta? Talvez falte uma fé mais forte e triunfante como Maria nos ensinou.
A vida se alinha e ainda tento crer que pode-se ainda existir algo novo. Com gratidão, Mari.