25/02/2017

Eu sou eu de verdade!

Uma pessoa com quem trabalho me disse que não nunca tenho nada porque dou as coisas. Mas eu tenho tudo que sempre quis. Não sei o que é o nada, realmente.
Mas tenho muitos "nãos" e omissões possíveis me são dadas de presente. Mas, no fundo, eu prefiro ser como sou. Desalinhada. Chata. Insuportavelmente doce. Absolutamente inovadora e emotiva. Eu sou eu de verdade. Intensa, mulher, religiosa e deveras errante.
Tenho sorte , ganho presentes do universo, sorrisos. Minha vida é um milagre.
Se imaginar que quero uma saia x, recebo do universo, rapidamente. Então como posso me permitir ter mais do que devo?
Sinto um feliz desapego. Sou muito grata.
Sou assim. Quero muito lhe agradecer e relembrar que a gratidão é minha cantiga antiga. 🌟 Amo todos. Desejos de felicidades! ❤ Maristella.

09/02/2017


Fazemos tantos planos e que importa é estarmos vivos.
Andamos sobre trilhos quando deveríamos sentir o chão.
Hoje olho para trás e vejo como tudo é um pêndulo.
Tive casa que decorei e a perdi.
Tive sonhos que não se realizaram.
Não sinto mais felicidade nos tão sonhados lençóis. Certos sonhos são passagens.
Mantenho a fé, mas não tenho ilusões do meu mundo. Hoje preciso doar roupas, mais ainda, fazer o bem, ser simplesmente eu mesma.
Em um mês ou um pouco mais retirarei o útero( miomas).
Eu não sei. A vida é muito estranha mas é sobrenatural.
....
Acho que já vivi bastante. 🌟.
Aceito.


obrigada. Mari ❤