27/02/2015

Uma feliz e abençoada Quaresma!



"Eu quero ver a Deus e para isso é necessário morrer. Não morro, mas entro na vida”.
 Santa Teresa D'avila.


Então a luz deu um sim a escuridão.
Gotas de orvalho puro tocaram o manto.
E a voz do coração ecoou no meu universo.
Eu sabia que para ver a Deus, teria que ir num mundo e  morreria, diversas vezes, dentro de mim mesma.
 Dias e noites.
Mas depois, meu renascimento fez canção e tornou a noite dia.
Por vezes, precisamos morrer, dentro de nós, para renascermos em Cristo.
Uma feliz e abençoada Quaresma!


Com muita gratidão, Mari.

Nenhum comentário: