"Cabeça levantada, sorriso no rosto e enfrentar a vida com todo o carinho."

"Certas memórias menos boas acabarão, com a ajuda de Deus, por se irem desvanecendo... faça por não pôr nelas o seu pensamento e começarão aos poucos a ser mais suaves.
"

20/02/2015

Retratos!


É que, ali,subi um degrau da vida.
Foi um canto solene à glória bendita.
E franca.
Não se reconhece solos inférteis ou falta de luz.
Ela sobrevoa as ilhas dos pensantes.
Na terra que se move, na colina que se aplana.
Os firmamentos de um solo.
E ali, todo encaixe, se fortifica.
E fico grata por existir e por suas linhas explanarem o tempo da canção que fiz.
E o amor?
Ele resplandece num solo bendito e fecundo.
De flores.
Com gratidão, ao seu dispor.
Mari.
Ilustrador: Renato Alarcão.