28/05/2012

Ame!

Hoje senti cheiro do meu passado.
Senti o desejo, forte, do que sonhei.
Por cada porta que abri, um sentimento.
Lembrei das escolhas entoadas.
Algumas cantigas de rodas embalavam.
Outras sinfonias apenas eram canções.
Alguns móveis estavam intactos em sua perfeição.
Outros apenas acompanhavam a lista.
Olhei para trás e não vi mais nada.
...........
E tudo aquilo, que tentava minha vida, já faz poeira.
Eu soprei aos ventos dos cantos da terra.
Tenho a sorte bendita da presença de Deus.
Errante...mas caminhante, sempre.
Com muita gratidão,
Estou aqui, Senhor!
Cantigas....mimos.
São sentimentos.
Reais.

Nenhum comentário: